Pages Menu
TwitterFacebook
Categories Menu

Posted by on set 9, 2017 in Exposição, Joinville | 0 comments

Exposição Orgânica estreia na 3ª edição do Garten Art

No dia 11 de setembro, segunda-feira, às 20h, nos corredores do Garten Shopping em Joinville (SC), estreia a 3ª edição do projeto multicultural intitulado: Garten Art, com a exposição do artista visual Ronaldo Diniz e do video jockey Leandro Vigas. A exposição intitulada: Orgânica, mistura pintura, ilustração, com projeções visuais, uma mescla inusitada e que representa o melhor da arte contemporânea. Como nas primeiras edições, o Garten Art trará para a comunidade joinvilense uma ampla programação cultural gratuita, tendo maior intensidade na semana de estreia, com apresentação de música na praça de alimentação e projeção mapeada.

A exposição Orgânica contará com nove telas do artista visual Ronaldo Diniz, e uma tela instalação 3,60 x 2,00 m. A obra é um grande painel preto e branco, formado por três telas e que dão nome à mostra. O artista visual Ronaldo Diniz com a parte estática e monocromática da obra e  Vigas fica com as cores e os movimentos dos efeitos visuais que o VJ bem conhece. Também faz parte da exposição projeções em quatro tvs de LED, e nos monitores espalhados pelo shopping, que mostrarão um pouco do trabalho desenvolvido por Vigas em sua trajetória.

A 3ª edição projeto Garten Art tem a colaboração especial do artista visual Nilton Santo Tirotti e música de Hesséx Alone, projeto musical de Hesséx Cognaco de Oliveira. A exposição ficará aberta para visitação até o dia 6 de outubro (sexta-feira) no corredor do Garten Shoopping.

Ronaldo Diniz

É joinvilense e considerado uma das novas revelações das artes visuais catarinense.Formado no Curso Superior de Artes Visuais na Univille em 2004 e Pós-graduado em Propaganda e Marketing na Univali-Itajaí em 2009. Ronando também atua como Ilustrador, e sócio-diretor do estúdio R2 Design desde 1999. O artista conta com mais de 20 exposições em seu currículo.

Exposições:

Além do 9×12, AAPLAJ, 2017
Living painting, 4ªConvenção de Tatuagem Joinville, Expoville, 2016
II Ocupação Contemporânea, AAPLAJ, 2016
Jardin do Édem, mural comemorativo dos 40 anos do MAJ, 2016
Fragmento MAJ, Novas Doações: 2013, 2016
Ecoart, Garten Shopping, 2016
Ontem e hoje, MAJ, 2015
Animal, MAJ, 2015
Expo shape, Square Skate Shop, 2015
Território (in)comum, AAPLAJ, 2015
Arte na Cidade, muro do SESC, 2015
Inconsciente coletivo, Teatro da Liga, 2014.
Festas das Flores, Expoville, 2014.
Eurícedes, De Richter Pub, individual, 2014.
Expoimovel, V12, 2014.
Leilão da arte, Capitão Space, 2014
Galeria SESC, 2014.
Natureza Selvagem, individual, MAJ, anexo I, 2013.
Ninfas, Adega Top Wine, 2013.
Itinerarte, Prefeitura e Fundema 2013.
Mural APPLAJ, 2013.
Natureza Insólita, Galeria FCBC Camboriú, 2013.
42ª Coletiva dos Artistas, 2012.
Pretexto, SESC, 2010.
Pretexto, SESC, 2008.
Pretexto SESC, 2006.
11º Salão dos Novos de Joinville, 2003.
1º Salão dos Novos de Blumenau 2002.

Leandro Vigas

Leandro Mendes (VJ Vigas) iniciou sua pesquisa em performances audiovisuais na universidade em 2003, onde apresentou como conclusão do curso uma performance ao vivo misturando imagens com música. Em julho de 2012, ele ganhou o torneio internacional do VJs Videozone que ocupou a Polônia. Em 2013, ganhou o 1º lugar das três edições da competição VJ TORNA International, considerado a Copa do Mundo o mundo dos VJs realizada na Cidade do México (México), Roma (Itália) e Cidade do Cabo (África do Sul), repetindo o feito Em maio de 2014, na cidade de Istambul, na Turquia. Foi selecionado para o Amsterdam Light Festival 2013/2014 de 50 inscrições de diferentes países, apresentando por 5 noites na fachada da igreja Mozes en Aäronkerk, o centro histórico de Amsterdã. Foi artista convidado do 1º Festival do Mapeamento do Rio, realizado no Rio de Janeiro em agosto de 2014. Ele foi selecionado para o Festival de Luz de Amsterdã 2014/2015 com o projeto da Ponte Flutuante, um túnel de LED flutuante onde os barcos de turismo da travessia da cidade holandesa Sua estrutura de novembro de 2014 a janeiro de 2015. Artista selecionada para o Festival de Visualismo realizada na cidade do Rio de Janeiro em setembro de 2015. Em 2016 ele participou do Círculo de Luz – Moscou – Rússia considerou um dos maiores festivais do gênero do Mundo, conquistando 2 prêmios: 3º colocado na categoria VJ e 2º colocado na categoria videomapping moderno com o coletivo Dark Light Studio. Vigas também foi o responsável pelas intervenções visuais do DVD acústico da cantora Ivete Sangalo de 2016, além de performances em desfiles, lojas conceitos e galerias pelo Brasil e mundo.

Hesséx Alone

(Por Felipe Harger*)

Com harmonias originais entrosadas a experimentações arrojadas, Hesséx Alone (nome de guerra de Hesséx Cognaco de Oliveira, músico Catarinense da cena independente) produz uma música que definitivamente se propõe a te fazer pensar sobre como você encara uma guitarra elétrica.
Dos palcos undergrounds até lançar os singles “Chaos” e “Filhos do Sol” pelo Selo Caroçu (parceria entre Xandão d’O Rappa e o produtor musical Tom Sabóia) são doze anos estudando, compondo, criando e tocando profissionalmente.
Ouvir aos sons de Hesséx me aguçam os sentidos e começo a perceber coisas que antes não percebia. Questiono-me da própria realidade como num “Lindo Sonho Delirante”…
Os grooves muito firmes e bem executados pelos músicos Caio Kim (contrabaixo) e Well Marques (bateria) caminham em meio as experimentações musicais que vão desde efeitos analógicos e digitais de maior requinte, até utensílios domésticos que mais parecem ter saído de um álbum de Tom Zé.
A voz convida a conhecer esse universo neopsicodélico, repleto de dissonâncias e experimentações antimusicais, tudo isso em coerência com o contexto estético da música de Hesséx que se deve também ao excelente trabalho de Tom Sabóia e do Estúdio Caroçu durante o processo de gravação, mixagem e masterização.
As guitarras por sua vez, ora ensaiam soar como outros instrumentos, ora buscam soar como qualquer outra coisa que não seja uma guitarra ou qualquer outro instrumento!
As letras demonstram uma crueza autêntica, em cima de constatações sobre a natureza humana, valendo-se tanto de metáforas quanto uma linguagem direta. Para Hesséx, é natural do homem provocar o caos. É uma constatação, não uma indagação.
A obra de Hesséx Alone propõe quebrar muitos paradigmas musicais através de uma experiência sonora inovadora e original.
É definitivamente uma obra contemporânea que agrega novidade ao cenário independente da música popular brasileira, acrescentando cores singulares a esse rico universo.
Uma provocação em forma de música. Um convite aos curiosos. Um agradável soco nos tímpanos.

* Felipe Harger é advogado pela Faculdade de Direito de Curitiba e acadêmico de Música da Universidade do Vale do Itajaí. Atualmente atua como Produtor Cultural na área de financiamento de projetos culturais em Joinville.

COLABORADOR ESPECIAL- TiroTTi

Nascido em São Paulo, Nilton Santo Tirotti, vive e trabalha em Joinville, é formado em design pela FAAP e mestrado pela UFSC. Com uso da videoarte investiga a imagem, ao transpor meios e materiais aplicados aos espaços. Individuais: Partilha da Imagem; Caixas do Tempo; O possível fragmento; Memória locus. Obras em acervos: Seres Outros; A Porta da Caverna no sec. XXI. Coletivas: Back and Forth – VISA Gallery, Canadá; Vai e vem – MAJ; O céu é o limite? – Solar do Barão; Três espaços/tempo – SESC. Coordenou galeria de arte, atua como curador, diretor de arte e parecerista de projetos culturais. É professor de cinema, fotografia e vídeo no ensino superior.

Exposições Individuais

2017 Partilha da Imagem – Galeria de Arte do SESC de Joinville e de Jaraguá do Sul, SC
2016 Caixas do Tempo – Casa da Cultura Dide Brandão, Itajaí, SC
2014 O Possível Fragmento – Museu de Arte de Joinville, Joinville, SC
Memória locus – Museu Nacional do Mar, São Francisco do Sul, SC
Memória locus – Associação de Artistas Plásticos de Joinville – AAPLAJ, Joinville, SC
2013 Memória locus, sala 30 – Museu de Arte de Blumenau, Blumenau, SC
O Possível Fragmento – Galeria de Arte do SESC de Chapecó
2011 Memória Pele – Galeria de Arte da Fundação Cultual de Criciúma, Criciúma, SC
2008 Degradação – Associação de Artistas Plásticos de Joinville – AAPLAJ, Joinville, SC
1998 Minudências – Galeria Municipal de Arte Victor Kursnacew – Joinville, SC
Exposições Coletivas
2017 Vinculação – Nacasa espaço coletivo – obras: Vinco, Caminho, Relações Contínuas, Memórias afetivas
mapeada [co-criação Luiz Ferreira]
2016 Back and Forth – VISA Gallery, St Chatarines, ON, Canadá – obras: Um permanecer e Outras visitas
Além dos 3×4 – Casa da Cultura Dide Brandão, Itajaí, SC – obras: A luz do batismo, O que é uma
fotografia de arte? e Foto falada
Vai e Vem – Museu de Arte de Joinville, SC – obras: Um permanecer; Outras visitas e A luz do batismo
2015 O céu é o limite? – Solar do Barão, Curitiba, PR – obra: Paisagem contínua
Tessituras Contemporâneas – Instituto Internacional Juarez Machado, Joinville, SC – obras: Caixas do
tempo nº1 e nº2; Minudências do ser; Paisagem contínua; Vaso-tarde, 54 minutos e Pequeno
deslocamento
Uma questão de gênero – Associação de Artistas Plásticos de Joinville, SC – obra: Canibalização da
certidão
Fale agora ou cale-se para sempre – Associação de Artistas Plásticos de Joinville, SC – obra: Um
suportar
2013 Coletiva de Artistas de Joinville – Museu de Arte de Joinville – obra: Seres afetuosos
Arte na Cidade: Entre três espaço-tempo – obras: Pequeno Deslocamento e Vaso – tarde, 54 minutos –
Galeria SESC, Joinville, SC
Intercidades; intervenção nas ruas de Lansing, MI, USA – obra: Memória de Continente
Intercidades; intervenção nas ruas de Joinville, SC – obra: Memória de Continente
2011 Entre Imagens – galeria SESC Joinville – obra: Memória sirva-se
2009 Extenuação da Pilhagem, Entre Ganhos e Ausência – obra: S/Título – Galeria SESC, Joinville, SC
Do Conceito e da Afeição – exposição itinerante da AAPLAJ – obra: Envolver
Coletiva de Artistas de Joinville, desde a 28ª [1998] a 38ª [2009]
2008 Exposição Pretexto – Galeria Municipal de Arte Victor Kursancew – obra: Carimbo RGB
2007 Exposição Pretexto – Galeria Municipal de Arte Victor Kursancew – obra: Memória parede
2006 Exposição Pretexto – Galeria Municipal de Arte Victor Kursancew – obra: Brincou
2005 4ª Coletiva da AAPLAJ – Associação de Artistas Plásticos de Joinville – obra: Armário
2004 Poéticas da cidade – Galeria Municipal de Arte Victor Kursancew – obra: Veia
1999 Galeria da Casa Cor em Florianópolis – 1999 – obra: Habitat

Curadorias

2016 O Feito e o Intuito da Figura Humana; Galeria de Arte do SESC de Joinville, SC
A quase primeira fotografia; Galeria de Arte do SESC de São Bento do Sul, SC
Trabalhos selecionados em Salões
2011 9º Salão Chapecoense de Artes Plásticas – Seres Outros (prêmio aquisição)
2003 9° Salão de Artes de Itajaí – Porta da Caverna do Séc. XXI (prêmio aquisição)
2001 Salão Blausiegel de Arte – Sem título (prêmio) – Museu de Arte de Santa Catarina – Florianópolis
1998 VIII Salão Victor Meirelles – Janela de Johare – Museu de Arte de Santa Catarina – Florianópolis
VIII Salão de Novos de Joinville – Sem Título (prêmio) – Museu Nacional do Mar


PROGRAMAÇÃO GARTEN ART III

11/09 segunda-feira
20h Coquetel de Abertura da Exposição
21h  Performance DJ VIgas

12/09 terça-feira
19h  Workshop de ilustração com o artista visual Ronaldo Diniz no espaço Garten Mais

14/09 quinta-feira
19h30  Apresentação com o projeto musical Hessex Alone na praça de alimentação

21/09 e 28/09 quintas-feira
18h às 21h- workshop com o artista visual Nilton Santo Tirotti- “Videoarte e o entorno do artista” no Espaço Garten Mas do Garten Shopping (duração 4h aula, totalizando 8 horas.


SERVIÇO

O quê:  Projeto Garten Art III- Exposição  ORGÂNICA Por Ronaldo Diniz e Leandro Vigas
Quando: Coquetel oficial de abertura  dia 11 de setembro (segunda-feira) às 20h – Garten Shopping-  Avenida Rolf Wiest – 333 (em frente a loja Aramis)
Exposição aberta para visitação até o dia 6 de outubro (sexta-feira)
Horário para visitação: Todos os dias das 10h às 22h no corredor do Garten Shopping (em frente a loja Aramis)
Quanto: Entrada gratuita


Importante: Este texto de divulgação foi reproduzido na íntegra tal qual foi recebido pela assessoria do evento 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: